Track
PEDIDO DE ORÇAMENTO

PREÇOS DE ALUGUEL EM PORTUGAL AUMENTARAM 23% COMPARADO COM O ANO PASSADO

Home  |  Sem categoria   |  PREÇOS DE ALUGUEL EM PORTUGAL AUMENTARAM 23% COMPARADO COM O ANO PASSADO

PREÇOS DE ALUGUEL EM PORTUGAL AUMENTARAM 23% COMPARADO COM O ANO PASSADO

Impulsionada por um boom do turismo que viu o preço médio por metro quadrado subir, um novo estudo dos consultores imobiliários CBRE revelou que os preços dos aluguéis aumentaram 23% em relação ao ano passado, para cerca de € 830 por mês. Em novas propriedades, esse valor sobe para € 1.070 por mês. A área mais cara em que alugar na capital é Park of Nations, onde a renda mensal média é de cerca de € 1.080, seguida de Avenidas Novas, a € 998 por mês. Esta notícia surgiu no final da semana, que os preços dos imóveis no centro da cidade de Lisboa cresceram.

Segundo dados do índice Confidencial Imobiliário, o custo do imobiliário no centro histórico de Lisboa aumentou dez por cento no segundo semestre de 2016, enquanto os preços nas outras áreas mais antigas do capital aumentaram 19 por cento em relação ao ano passado em relação a 2015.
Os pesquisadores revelaram ainda que os preços dos imóveis no centro histórico estão aumentando nos últimos dois anos e meio.

Um total de pouco menos de 2.300 propriedades foram vendidas nesta área no ano passado, com um custo total de 700 milhões de euros. A popularidade de Lisboa – e o consequente aumento dos preços dos aluguéis e dos imóveis – talvez não sejam surpreendentes depois que a cidade conquistou, nos últimos anos, uma série de elogios e conquistas que o consolidam como desejável destino. Estes incluem ranking 43º sobre a Qualidade de Índice de vida, e regularmente sendo classificado como um must-see destino na parte superior das listas internacionais que devem ser vistas.

Em janeiro deste ano, foi classificado pelos passageiros da companhia aérea britânica Jet2 como seu destino favorito, e nesse mesmo mês, a capital portuguesa, o Porto e o Funchal foram colocados nos 100 melhores destinos por mais de 200 milhões de resenhas no site de viagens on-line Trivago.

Fonte:
ThePortugalNews.com

SEGUINTE

A ECONOMIA PORTUGUESA CRESCE 2,8% NO PRIMEIRO TRIMESTRE